23/08/2017

Newsletter – 2017, Número 4

 

Newsletter – 2017, Número 4

 

“O SAEME é complementar ao Sistema Nacional de Avaliação do Ensino Superior e contribui para a qualidade do ensino ofertado”.
Mendonça Filho
Ministro da Educação (Brasília, 10 julho de 2017)

 

 

 

O Sistema de Acreditação das Escolas Médicas – SAEME obteve o apoio do Ministério da Educação, que o reconheceu como complementar ao Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior, com o objetivo de melhoria da qualidade do ensino ofertado, de acordo com a declaração do Ministro de Estado da Educação, Mendonça Filho.

Este reconhecimento do caráter complementar do SAEME às avaliações de autorização, reconhecimento e renovação de reconhecimento é fundamental para que os coordenadores de cursos de Medicina e professores e estudantes compreendam o papel da acreditação como um processo de avaliação independente e específico para esses cursos, que contribui sem substituir as iniciativas governamentais.

O apoio do Ministério da Educação ao SAEME também foi afirmado pela Dra. Rosana Leite de Melo, Secretária Executiva da Comissão Nacional de Residência Médica que participou ativamente da II Oficina de formação de avaliadores do SAEME, em São Paulo nos dias 13 a 14 de julho.

Teve início em agosto o ciclo de avaliações aos cursos de Medicina inscritos para acreditação no primeiro semestre de 2017. Serão visitadas, nas próximas semanas 14 escolas médicas, públicas e privadas, em todas as regiões do país.

O preparo para estas visitas tem sido intenso. Foram atualizados e reeditados os Manuais: “Funções e Estrutura da Escola Médica” e “Instruções do Processo de Acreditação”. O primeiro diz respeito a um conjunto de indicadores de qualidade definidos internacionalmente e contextualizados para a realidade brasileira, e o segundo apresenta cada etapa da acreditação detalhadamente, servindo como apoio às equipes de avaliadores do SAEME e às escolas inscritas no processo de acreditação.

Brevemente os dois documentos estarão disponíveis no site www.saeme.org.br

 

Acesse o PDF por aqui  News Letter 04 – SAEME