28/05/2019

Congresso gaúcho propõe vivências

Tratando dos desafios da educação médica perante a diversidade, o XXI Congresso Gaúcho de Educação Médica (CGEM) foi realizado em Passo Fundo, na Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), nos dias 17 e 18 de maio. Antes do evento, foram promovidas vivências na região, nas quais os participantes puderam conhecer as características de públicos específicos, como população prisional, LGBT, MST, indígena e quilombola.

Temas como racismo, saúde de populações negligenciadas e abordagem de corpo, gênero e sexualidade estiveram na pauta do congresso. Nas mesas-redondas, tratou-se ainda da saúde mental do estudante e da prova de residência médica, entre outros assuntos. Nas oficinas, foram abordados aspectos espiritualidade e saúde, ensino médico a alunos com deficiência, educação médica em áreas rurais e saúde do imigrante.

A arte também se fez presente no encontro, com apresentação cultural na abertura do congresso e a exposição Torna-te quem tu és. Trabalhos científicos e relatos de experiência em dez eixos temáticos completaram a programação do evento, que premiou os melhores trabalhos apresentados. Confira mais nas fotos a seguir.