03/06/2019

Teste de Progresso em discussão em Minas Gerais

“Teste de Progresso: seu papel na formação médica e sua implementação nas instituições de ensino” foi o tema da Oficina Temática realizada pela Regional Minas Gerais da Abem no dia 1º de junho. Aberto a docentes e estudantes de medicina, o evento teve 66 participantes – 59 docentes e 7 discentes, representantes de 21 escolas médicas.

O objetivo foi apresentar os fundamentos teóricos e práticos dessa estratégia de avaliação na educação médica e seu lugar na avaliação programática, exercitando a construção de questões. Na programação, aula sobre Avaliação Programática, ministrada pela professora Oscarina Ezequiel (UFJF), e aula sobre o Teste do Progresso e Oficina de Questões, ministrada pela professora Angélica Bicudo (Unicamp). A professora Elizabeth Campos de Andrade (UFJF), coordenadora do primeiro consórcio do Teste do Progresso em Minas Gerais, apresentou testemunho de sua experiência.

A reunião resultou na formação do segundo consórcio mineiro, que contará com a participação de 11 escolas. Novo encontro, para efetivação do consórcio, será realizado em agosto. A expectativa é englobar mais escolas médicas, com mais associados participantes, tanto docentes quanto discentes.